IGREJA E DENOMINAÇÃO PORQUE TANTA DIFERENÇA

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

LOUVOR GENUINO???


QUAL O VERDADEIRO LOUVOR A DEUS?

O VERDADEIRO LOUVOR É INSPIRADO NO AMOR A CRISTO
 A esperança da mulher samaritana era a vinda do Messias -Jo. 4:25 “”Eu sei que o Messias (que se chama o Cristo) vem; quando ele vier, nos anunciará tudo”.

  O VERDADEIRO LOUVOR ROMPE BARREIRAS       
 Paulo e Silas na Prisão.Em qualquer Lulare Circunstância.
O VERDADEIRO LOUVOR TEM PODER TRANSFORMADOR
     A samaritana de prostituta, leviana, irresponsável, inconseqüente foi convertida, após beber da água viva que Jesus lhe ofereceu, em uma testemunha veloz da salvação. Jo. 4: 28-30.Ao sair da presença de Jesus ela era outra pessoa; sua vida moral, social, emocional e espiritual estava completamente mudada.; não entrou na cidade para continuar se prostituindo, mas para dizer o que Jesus   havia dito sobre a sua vida antes, e como mudou tudo! Descobriu que Ele era o Messias! Seus pensamentos e seu caminho mudaram.
VEJA O QUE A VERDADEIRA ADORAÇÃO FAZ.
  O louvor inspirado pelo Espírito de Deus afugenta Satanás e dá alívio aos atormentados, I Sm. 16:23
Derruba muralhas intransponíveis, Josué 6:20;
Abre as portas das prisões e solta os encarcerados, At. 16:25, 26
 Dá vitória sobre os inimigos II Cro. 20: 21,22,28,29
      Quando alguém se converte recebe  de Deus, em sua alma, um cântico novo, Sl. 40:2, 3; o cântico novo é fruto de uma vida convertida à Deus. O Espírito Santo põe em nossos lábios um louvor diferente , divino, puro. A natureza transformada por Deus sente desejo dele,  inspirada por este amor divino recebe uma  canção diferente da do mundo, que antes não experimentara. 
 PROPÓSITO DO VERDADEIRO LOUVOR
1.  O louvor comprometido com o Mundo:
Voltado a agradar as pessoas – Am. 4:4, 5
Adequado à liturgia terrena, idealizado de acordo com a teologia: ”para cada povo uma liturgia”;
 Visa encher a igreja de pessoas interessadas em participar de um grupo social e religioso não se importando com suas almas, com a salvação destas pessoas; é a música contextualizada com o mundo, inspirada em letras e ritmos das músicas apreciadas pela geração deste século:
 CONSEQÜÊNCIAS AM. 4:4, 5
Insatisfação  espiritual, gerando ansiedade faz com que os crentes percam o sossego e tornem-se habilidosos na busca de  movimentos de igreja em igreja, de show em show: Am. 4:8
Dificuldade de entender  e de ver;  o Espírito Santo só opera convencendo quando o louvor é realmente retirado da palavra de Deus identificando pureza e santidade– Am. 4: 11,12
 Adoração inútil, sem sinceridade de fé e sem o auxílio e a unção do Espírito Santo –Rm. 10:21; 12:1; Ml.2:13
Deus não recebe e as pessoas ficam espiritualmente vazias e enganando-se – Am. 5: 21 – 23; Ml. 1: 10,13
 Gera sentimentos desagradáveis, confusos, inquietação, preocupação, ansiedade, deleites carnais e pode escandalizar –Am. 4:6,7
2-O LOUVOR DA IGREJA;
 A Igreja deve estar vigilante a fim de oferecer ao Senhor um louvor verdadeiro:
Composto com o propósito especial de louvar, exaltar e glorificar à Deus Sl. 33: 1-3,21
 Inspiradoem  Jesus Cristo  através do Espírito Santo e de sua palavra
Em harmonia com a doutrina  da palavra  de Deus
Confirmado pelo Espírito Santo através de seu poder em convencer o pecador , confortar nossas almas e exaltar a Cristo; fazendo com que penetre e fale  interiormente, quebrantando os corações, Lc. 24:32(arda no coração)
Gera temor, inspira fé, aumenta o amor, leva à reverência e a verdadeira adoração – Heb. 12:28
Expressa  a essência da conversão e experiência do crente com Deus e sua consagração à Ele;
Enche o coração e a alma de alegria, paz e de poder do Espírito Santo; fortalece a fé, renova o ânimo do abatido, promove a cura de enfermidades, a comunhão entre os crentes, conduz-nos a glorificar ao Senhor e  a receber o batismo com o Espírito Santo.
 O FALSO LOUVOR SUAS CARACTERÍSTICAS
  Irreverência Ml. 3: 14-18;2:5  visão falsa de que  Deus não se importa com o estilo, o ritmo, a origem, e a expressão;
Confusão entre o espiritual e o emocional, entre entusiasmo e fervor, entre o humano e o divino;
 Formalismo – tradicionalismo radical, rotina, apego aos rituais humanos e sociais, ausência de vida, de visão e de poder; a mensagem das boas-novas não comove , não salva nem glorifica a Deus;
Prevalência da razão humana em detrimento da direção do Espírito Santo I Cor. 14: 26-40
Confunde Igreja com teatro, cantor evangélico com artista mundano, culto divino com show
Falta sobriedade , II Tm. 3:2; 4:5; Tt. 2:7, 8
Confunde intimidade com Deus com irreverência, espiritualidade com emocionalismo; adequação da Igreja e do culto ao Senhor com o mundo e movimentos sociais; Dt. 12: 28, 30,31; I Ts. 5:22
 Indisciplina: pessoas participando da comunhão tendo vida irregular diante de Deus, expõem moralmente a Igreja; violação das normas doutrinárias cantando e tocando sem testemunho de vida transformada, trazem em si os resíduos da velha natureza do pecado procurando identificá-la no louvor de forma sorrateira;
O louvor  na Igreja deve ser expressado com temor e reverência ao Senhor nosso Deus; o repertório, letras e músicas, cantores e tocadores devem ser cuidadosamente escolhidos. O louvor oferecido a Cristo deve Ter inspiração divina, na Bíblia, de forma a agradar a Deus  ainda que muitos rejeitem e se oponham; aqueles que amam ao Senhor com sinceridade se alegrarão e serão inspirados a o adorarem em espírito e em verdade.
 QUE DEUS VOS ABENÇÕE.

Um comentário:

  1. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir